Skip to content

Doce

A palavra “doce” está na boca de todos. Ela quer agradar no paladar mas também na empatia.
Ela que é brigadeiro, doce de leite, beijinho, pão de ló, bolo de rolo, goiabada, pudim.
Ela não significa chocolate amargo, ela significa chocolate ao leite, com cristais de açúcar, crocante.
A palavra doce quer dizer também bem-quista, ou quem sabe também … simpática? Não. Isso é o suficiente. Ela é mais.
Doce é o melhor abraço do mundo, é acolhimento. Doce é como um biscoito champanhe mergulhado num chá quentinho, em dia frio.
A palavra doce também é sinônimo de manjar e de maçã do amor.
A palavra doce enjoa. Do-ce. Enjoa tanto que tem horas a gente não quer mais saber.
Argh, muito doce.
Doce não é para todas as horas, mas tem horas que só ele serve. Inchaço, irritação, hormônios, preciso de um doce e só um doce vai me salvar.
Doce salva.

Texto feito em exercício de aula.

Comichão

Paciência. Respira. Finge que não é com você. Ignora o comichão do braço direito. Respira. Logo você, ansiosa, ter que lidar com isso. Logo no membro mais útil. Paciência. Disseram que é emocional, não há o que fazer — só esperar. Não coça! Vai que espalha para o resto do corpo? Respira. Paciência. Uma hora acaba.

Para marcar o tempo [5]

Recebi um abraço frouxo quando precisava ser abotoada. Nesses dias de pandemia, não há muita gente com quem eu me arrisque. Mas a minha urgência foi desprezada e eu senti frio pela distância. Disso eu vou lembrar por algum tempo.

(mais…)

Para marcar o tempo [4]

Hoje acordei cantando Desculpe o Auê e me consolei imaginando que tenho algo em comum com Ritinha. Foi ciúme, sim. Perdi a cabeça. Esqueça. E uma coisa me levou a outra: lembrei que Machadinho também era assim. Nunca erraram.

(mais…)

Para marcar o tempo [3]

Nessa semana, levei um sacolejo e ainda estou tentando me manter de pé. Coloquei a culpa no eclipse de quarta porque era uma questão de tempo até que o universo se alinhasse. Os sinais foram muitos e claros, eu até tentei fazer alguma coisa a respeito mas não sabia o quê.

(mais…)

Join the discussion