• Crônicas,  Negócios

    O futuro das agências de comunicação, por Silvio Meira

    Daqui a 50 anos, em 2066, os motoristas de carros vão acabar, os telefones celulares vão virar dispositivos com funcionalidades espalhados por nosso corpo e as agências de publicidade vão precisar se adaptar ao ciclo de vida dos negócios ou serão extintas. Quem cantou o fim do mundo como a gente conhece hoje foi Silvio Meira, numa palestra dada aos profissionais, clientes e convidados da agência Morya (onde trabalho), em Salvador. Não arrisco que todos saíram satisfeitos da conversa mas, caramba, ele deixou todo mundo zonzo! Silvio falou sobre suas pesquisas, os trabalhos que desenvolve na ikewai, mostrou uma foto da sua mesa e explicou porque utiliza sete (!) computadores…