• Crônicas,  Cultura

    Salvem as comédias românticas!

    Comédia romântica é o meu gênero de filme preferido. Sim, eu não tenho vergonha de assumir isso em voz alta numa roda com os amigos. E na falta de novas comédias românticas para assistir eu fico reassistindo as antigas que guardo num espaço carinhoso na minha memória. Já perdi as contas de quantas vezes vi De repente é amor, E se fosse verdade, Como se fosse a primeira vez, Orgulho e Preconceito — essa última eu revejo sempre que preciso de apoio emocional, ou seja, praticamente a cada TPM. O problema é que parece o gênero caiu em desuso. Não sei se por conta da má qualidade das comédias românticas…