• Comportamento,  Crônicas

    Memórias felizes

    Dia desses eu acordei cedo com a cabeça cheia de problema e vim pro sofá da sala pra não te acordar. Depois de cinco minutos você despertou ainda com sono e me procurou pela casa, deitou no sofá ao meu lado e voltou a dormir. Aí eu pensei, pra que porra eu estou estressada com a vida se eu tenho isso aqui?

  • Crônicas,  Política

    No olho do furacão

    Há alguns dias vivo com a eterna sensação de que recebi uma notícia ruim, causada principalmente pelo constante uso das redes sociais. Como vivo e trabalho com um celular na mão, o acompanhamento em tempo real da cobertura e memes das Eleições está minando a minha esperança no país e me deixando ansiosa e estressada. Ao mesmo tempo que eu não aguento mais ouvir falar nas atualizações das pesquisas, outros temas que acompanho no Twitter e Instagram não me parecem tão importantes, paro e penso “que bobagem”. Mas essa falta de respiro da possível decepção de daquele-que-não-deve-ser-nomeado vencer está me fazendo mal. O país está dividido em três, talvez quatro,…

  • Crônicas,  Cultura

    Salvem as comédias românticas!

    Comédia romântica é o meu gênero de filme preferido. Sim, eu não tenho vergonha de assumir isso em voz alta numa roda com os amigos. E na falta de novas comédias românticas para assistir eu fico reassistindo as antigas que guardo num espaço carinhoso na minha memória. Já perdi as contas de quantas vezes vi De repente é amor, E se fosse verdade, Como se fosse a primeira vez, Orgulho e Preconceito — essa última eu revejo sempre que preciso de apoio emocional, ou seja, praticamente a cada TPM. O problema é que parece o gênero caiu em desuso. Não sei se por conta da má qualidade das comédias românticas…

  • Crônicas

    Hard Knock Wife, um show sensacional de Ali Wong

    Não sou de ver TV, nem mesmo Netflix. Mas há momentos em que nada mais me resta. Num deles eu descobri o último show de stand up de Ali Wong “Hard Knock Wife”, que quase me fez mijar de tanto rir. Ali é uma oriental de um metro e meio, cabelos longos e uma enorme barriga – na época em que foi lançado o programa ela estava grávida do seu segundo filho. Isso me fez ficar curiosa sobre o show imediatamente.

  • Crônicas

    Dias de alegria

    Eu sonhei que a gente estava morando juntos e montando uma casa. A gente escolhia os móveis e como cada coisa ficaria disposta ali naquele apartamento alugado. Primeiro a gente trouxe a minha cama de casal, as nossas TVs e a sua coleção de canecas. Depois a gente comprou uma estante para a sala e os eletrodomésticos. Então, eu cozinhava e você lavava os pratos e elogiava a minha comida. A gente não tinha descanso. Todo dia era algo para arrumar e resolver da casa nova, mas a gente estava feliz.